faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Sírio-Libanês é reconhecido como empresa Pró-Ética 2020-2021 pela Controladora-Geral da União

Hospital-Sírio-Libanês.jpg
O selo é uma iniciativa da parceria entre o Instituto Ethos e CGU; instituição foi o único hospital do Brasil contemplado com a certificação

O Sírio-Libanês foi certificado como empresa Pró-Ética pela Controladoria Geral da União (CGU), em parceria com o Instituto Ethos. Essa certificação é um reconhecimento público de que a instituição adota, voluntariamente, medidas voltadas para a prevenção, detecção e remediação de atos de corrupção e fraude, bem como respeito à livre concorrência. O Sírio-Libanês foi o único hospital brasileiro contemplado com esse reconhecimento.

"No ano em que a Sociedade Beneficente de Senhoras Hospital Sírio-Libanês comemora o seu centenário, recebemos mais este reconhecimento, que atesta o nosso comprometimento voluntário de adotar condutas para um trabalho ético e íntegro", diz Aline de Almada Messias, Diretora Jurídica e de Compliance do Hospital Sírio-Libanês.

O Pró-Ética avaliou o comprometimento da alta direção e compromisso com a ética; políticas e procedimentos; comunicação e treinamento; canais de denúncia e remediação; análise de risco e monitoramento de programa de integridade; e transparência e responsabilidade social.

"Nosso programa de Compliance faz parte de um compromisso rigoroso da instituição para com a transparência, integridade e ética, critérios que permeiam a instituição desde a sua fundação, há 100 anos, e que garantirá a continuidade desses valores pelos muitos anos por vir", explica Aline. "Esse reconhecimento reafirma nossa jornada de excelência, cuidado, solidariedade e integridade junto à sociedade".

TAG: Gestão
Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar