faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Pro Matre inaugura Centro de Saúde da Mulher

pro matre

Iniciativa contemporânea, novo espaço também oferece Centro de Medicina Integrativa que promove o elo entre a saúde física e mental, tendo como foco a prevenção de doenças e qualidade de vida para garantir o bem-estar feminino.

Alimentação consciente, atividade física orientada e saúde mental equilibrada são de extrema relevância para garantir que estejam saudáveis as condições clínicas da mãe e o desenvolvimento do bebê. Sabe-se que hoje, grande parte das doenças do adulto tem origem no período fetal, durante a gravidez da mãe. Por isso, os nove meses de gestação constituem o período mais importante da vida, influenciando permanentemente a conexão do cérebro e o funcionamento de diversos órgãos, como o coração, fígado e pâncreas. Estudos comprovam que é possível corrigir cerca de 80% dos casos dos distúrbios metabólicos na gestação somente com dieta adequada e atividade física, e isso traz resultados positivos para a vida adulta.

O Centro de Saúde da Mulher, que acaba de ser inaugurado, oferece um olhar 360 a tudo que se relaciona com a jornada de saúde feminina e medicina preventiva, priorizando o bem-estar físico, psíquico e social. Com isso, um dos serviços disponíveis no novo prédio é o Centro de Medicina Integrativa, com diversas especialidades médicas e serviços complementares para cuidar da saúde feminina de forma integral nos diferentes momentos, tratando a paciente com foco no seu estilo de vida e cuidando de sua saúde física e mental. As pacientes contam com profissionais especializados e com vasta experiência em mulheres, gestantes e puérperas para o atendimento em nutrologia e nutrição, atividade física, psiquiatria e psicologia, acupuntura, fisioterapia obstétrica que apoia na preparação para o parto vaginal, entre outros.

"Por meio da medicina integrativa conseguimos ter uma visão holística da paciente. Além das questões físicas, priorizamos também a saúde mental, emocional e social. Temos oportunidade de assistir a mulher em todas os momentos de sua vida, desde a adolescência até o período pós-menopausa, aliviando assim os sintomas característicos de cada fase do processo de desenvolvimento e envelhecimento", afirma Dra. Carla Delascio, ginecologista e obstetra pós-graduada em nutrologia e especialista do Centro de Saúde da Mulher da Pro Matre.

Tendo a atividade física como um dos pilares fundamentais para saúde integral, além da alimentação e suplementação e o cuidado psicológico, o Centro oferece uma academia especializada para a mulher com foco na gestação (preparo do assoalho pélvico, fortalecimento da coluna, ajustes posturais) e puerpério (reabilitação pós-parto). A atividade física ajuda a preparar o corpo para o parto, facilita a recuperação no pós-parto e ainda traz outros benefícios para a gestante, como menos dores nas costas, sono melhor e menor chance de desenvolver diabetes gestacional e pressão alta.

"A assistência tem como base alguns pilares cujos objetivos são a prevenção de doenças e manutenção da saúde, focando na qualidade de vida da mulher. Com pequenas mudanças no estilo de vida da paciente, como alimentação adequada e prática de atividade física, já conseguimos inúmeros benefícios. Sabemos que em algumas situações a paciente tem limitações para fazer tudo o que o médico solicita, mas o pouco que se consegue por meio de orientação adequada e equipe multidisciplinar já é um passo inicial para colher bons frutos no futuro", completa Dra. Carla.

Também como uma nova iniciativa, a Pro Matre construiu no Centro de Saúde da Mulher uma suíte e uma sala de parto normal (LDR) modelos, que foram desenvolvidos para a gestante visitar as dependências do hospital sem romper a barreira biológica, e com a oportunidade de conhecer a estrutura sem necessariamente ter que percorrer os corredores do hospital ainda mais em tempos de pandemia.