faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Ministério investirá R$ 515,6 milhões em epidemiologia até 2008

Montante será destinado à prevenção e controle de doenças, à vigilância ambiental em saúde e ao fortalecimento da atenção epidemiológica nos estados e municípios

O Ministério da Saúde anunciou que destinará R$ 515,6 milhões na prevenção e controle de doenças, na vigilância ambiental em saúde e no fortalecimento da vigilância epidemiológica nos estados e municípios, de 2005 a 2008. O objetivo é fortalecer o Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica por intermédio do projeto Vigisus II. Os recursos são provenientes de acordo com o Banco Mundial, que liberou R$ 257,8 milhões. Em contrapartida, o Ministério da Saúde entrou com R$ 257,8 milhões.
Entre outras ações, o projeto Vigisus II viabilizará o fortalecimento da infra-estrutura e compra de equipamentos utilizados na vigilância, prevenção e controle de doenças, realização de análises de situação de saúde da população, a fim de subsidiar a implantação de políticas públicas para a redução de casos, mortes, fatores de risco das doenças e desigualdades em saúde. Com esses recursos, também será implantado o subsistema nacional de vigilância das doenças e agravos não transmissíveis.
O projeto também prevê a implantação ou melhoria de infra-estrutura das secretarias estaduais e municipais de saúde, o desenvolvimento científico e tecnológico, além de programas de capacitação dos profissionais de saúde.
Para estados e municípios, o total de recursos é de R$ 169,9 milhões, dos quais R$ 44,9 milhões deverão aplicados em capacitações. Todos os estados da União serão beneficiados, assim como todas as capitais e 147 municípios prioritários a serem selecionados. A novidade nessa etapa do Vigisus é que os estados e municípios que apresentarem melhor desempenho na realização das atividades previstas receberam recursos adicionais.

TAG: Hospital
Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar