faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Ministro inaugura unidade de emergência em Alagoas

Instituição de saúde Dr. Daniel Houly recebeu investimentos de R$ 8,2 milhões

O ministro da Saúde, Humberto Costa, inaugura hoje, em Arapiraca (AL), a Unidade de Emergência do Agreste Dr. Daniel Houly. Cerca de 1,6 milhão de alagoanos serão beneficiados pela emergência, que vai absorver a demanda de 15 municípios agrestes, informa a Agência Saúde.
Foram investidos R$ 8,2 milhões na construção e aparelhagem da emergência. Desse total, R$ 6 milhões do Ministério da Saúde e o restante representa a contrapartida estadual. Os recursos são do Projeto de Reforço à Reestruturação do Sistema Único de Saúde (Reforsus). Entre os equipamentos adquiridos estão tomógrafo helicoidal, ultra-som, raio-X, videoendoscópio, ecocardiograma e monitores cardíacos.
A nova unidade vai atender exclusivamente emergências provocadas por causa externas, como vítimas de acidentes de trânsito, de ferimentos por arma de fogo ou arma branca, queimaduras, afogamentos, quedas e envenenamentos, entre outras. As urgências clínicas - dores abdominais, convulsões, desmaios e derrames cerebrais - continuam assistidas pelo Hospital Regional de Arapiraca e outras instituições hospitalares da cidade.
Para atendimento das emergências traumáticas, a Unidade Dr. Daniel Houly possui 34 leitos de internação, sete de UTI e sete de observação, além de equipe multiprofissional especializada, suporte de laboratório e de terapia nutricional. O centro cirúrgico tem capacidade para realizar neurocirurgias, cirurgias ortopédicas e vasculares, entre outras.
A construção da Emergência do Agreste em Arapiraca é mais um passo na consolidação do processo de regionalização da assistência à saúde. Isso porque a unidade vai facilitar o acesso da população aos serviços especializados, evitando o deslocamento desnecessário para os grandes centros, que pode agravar o quadro clínico do paciente. Estima-se que, com nova emergência em funcionamento, 90% dos casos atendidos no agreste alagoano não precisarão mais ser encaminhados para Maceió.

TAG: Hospital
Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar