faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Google, Boston Dynamics e Robôs. Qual o impacto na saúde?

robotica-na-saude-robos-google-boston-dynamics
Falar sobre robótica na saúde é sempre excitante e polemico. Os robôs já são realidade no setor e avançam cada vez mais em termos de possibilidades. A telecirurgia já é uma realidade nos EUA, faltam apenas algumas barreiras a serem ultrapassadas para que a adoção seja maior. Veja por exemplo o uso do Robô Nao, que esteve na Health 2.0 Latin America Conference 2013, sendo usado para ajudar na comunicação com crianças autistas. Saiba mais

*Matéria originalmente publicada em 13/05/2014.

Falar sobre robótica na saúde é sempre excitante e polemico. Os robôs já são realidade no setor e avançam cada vez mais em termos de possibilidades. A telecirurgia já é uma realidade nos EUA, faltam apenas algumas barreiras a serem ultrapassadas para que a adoção seja maior. Veja por exemplo o uso do Robô Nao, que esteve na Health 2.0 Latin America Conference 2013, sendo usado para ajudar na comunicação com crianças autistas.

 [youtube]http://youtu.be/lm3vE7YFsGM[/youtube]

Mas o que o Google tem a ver com robótica na saúde? Essa matéria faz parte de uma série sobre as últimas aquisições da empresa e qual impacto essas podem causar na saúde. Dessa vez vou comentar sobre a aquisição da Boston Dynamics, mais uma das empresas de robótica compradas pelo Google.

A Boston Dynamics é uma spin-off do MIT, com fama de ter produzido alguns dos robôs mais avançados do mundo. Embora tenha recebido diversos investimentos do exército americano, e esse seja seu principal foco (declarado), não podemos negar que os avanços militares se provaram benéficos para o campo da saúde.

Abaixo você irá assistir a um vídeo sobre o Atlas, um dos robôs da empresa que mais se aproxima da realidade da saúde. Nele você pode notar na estabilidade do equipamento, imagine essa estabilidade transposta em exoesqueletos para deficientes, telecirurgia, assistência hospitalar etc. Se tiver mais curiosidade, assista os vídeos do BigDog e Cheetah, vale a pena.

[youtube]http://youtu.be/SD6Okylclb8[/youtube]

Muito do que se lê parecer estar distante e não fazer parte da nossa realidade, porém não é bem assim. Algo que demonstra o quão avançada essa área está é a criação do Cybathlon. Trata-se de uma competição com atletas utilizando próteses biônicas, exoesqueletos, jogos controlados pela mente e muito mais.

Durante as pesquisas para essa matéria, encontrei um vídeo da Merrill Lynch onde a Dra. Catherine Mohr discute algumas aplicações da robótica  na saúde. Ela vê um futuro onde os robôs agiriam como extensores da saúde, além equipamentos desenvolvidos para cirurgia, principalmente com foco nos olhos e articulações.

[youtube]http://youtu.be/_ENORuGtCUA[/youtube]

Alguns devem estar pensando que o Google está se tornando a Skynet, da série exterminador do futuro. Não quero participar da teoria de conspiração, apenas imaginar como será o futuro em que teremos robôs com inteligência artificial avançada, e sendo utilizado para melhorar a saúde como um todo. Imagine um cirurgião poder realizar uma cirurgia no interior da Amazônia, sem sair de casa.

Essa teoria sobre o Google e a robótica ganha tempero extra com as duas últimas matérias que escrevi da série de aquisições da empresa, sobre computação quântica da D-Wave (que dizem ser o que faltava para se criar uma inteligência artificial eficiente) e Inteligência Artificial da DeepMind (que dará um cérebro a essas máquinas).

E você, como acha que a robótica irá influenciar a saúde?

TAG: Geral
Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar