faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Robô reduz as interações entre médicos e paciente da Covid-19

robô reduz interações.jpg

Pesquisadores da Simon Fraser University, no Canadá, desenvolveram robôs diferentes que podem detectar e medir os parâmetros de saúde dos pacientes, incluindo eletrocardiogramas, níveis de oxigênio, taxas de respiração e temperatura. Um deles é composto por um braço robótico, contendo eletrodos na ponta dos dedos, podendo  fazer medições ao entrar em contato com um paciente.

Outro, uma palmilha inteligente, pode monitorar a marcha do paciente quando anda. O terceiro, um robô humanóide, pode monitorar os níveis de oxigênio, evitando a interação dos profissionais de saúde e os pacientes com Covid-19.

Os pesquisadores esperam que as iterações futuras de suas tecnologias possam levar ao desenvolvimento de um “assistente de saúde unificado” que ajude os médicos a obter autonomamente informações vitais dos pacientes. Na era pandemica, minimizar o contato próximo entre pacientes e médicos poderia ajudar a reduzir a transmissão. “A recente pandemia demonstra a necessidade de minimizar a interação humano-a-humano entre profissionais de saúde e pacientes”, disse Woo Soo Kim, pesquisador envolvido no estudo, em um comunicado à imprensa de Simon Fraser. “Há uma oportunidade para robôs sensores medirem informações essenciais de saúde em nome de prestadores de cuidados no futuro”.

Os dispositivos foram criados usando estruturas de ‘origami impressas em 3D’ e, até agora, foram capazes de determinar uma ampla gama de dados fisiológicos básicos em voluntários. No momento, os robôs são amplamente passivos na forma como obtêm informações, mas os pesquisadores disseram que pode ser possível usar a inteligência artificial para permitir que os dispositivos interajam com os pacientes e talvez até mesmo tomem decisões como prescrever medicamentos. Acesse o estudo no link.

TAG: Hospitalar
Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar