faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Hapvida leva mais saúde e mobilidade a Belém do Pará

shutterstock_325569101
Capital paraense ganha seu próprio sistema de bicicletas compartilhadas, o Bike Belém, e em breve contará também com o Hapvida +1K, projeto de assessoria gratuita de corrida

O Hapvida presenteou Belém (PA) com mais saúde e mobilidade. Neste mês, a cidade recebe dois projetos que irão melhorar a qualidade de vida e a saúde dos paraenses: o Bike Belém, o primeiro sistema de bicicletas compartilhadas da região, e – em breve – também o +1K, programa de assessoria gratuita de corrida de rua, proporcionado pela maior operadora de saúde do Norte e Nordeste.

“A prática de uma vida mais saudável previne doenças. Queremos que todos tenham acesso a uma maior qualidade de vida por meio de um ambiente que torne isso possível. Se o entorno é mais saudável, as pessoas se tornarão mais saudáveis. Por isso, estamos ampliando nossos investimentos em projetos como o Bike Belém e +1K”, enfatiza a Simone Varella, diretora de Comunicação e Marketing do Hapvida.

O Bike Belém é fruto da parceria entre o Hapvida, Prefeitura de Belém e a empresa concessionária Samba Transportes Sustentáveis, com o objetivo de tornar a cidade um espaço ainda mais saudável para seus habitantes.

As bicicletas estão disponíveis à população em 11 estações distribuídas em diferentes pontos da capital paraense – as dez primeiras ativas já foram definidas pela Superintendência de Mobilidade Urbana de Belém (SeMOB) e estão localizadas nos bairros da Cidade Velha, Jurunas, Umarizal, Batista Campos e Campina.

O cadastro pode ser realizado pela internet, por meio do site www.bikebelem.com, e o destrave das bicicletas para uso pode ser feito via aplicativo para celulares com sistemas Android e iOS ou ligação telefônica. Os preços variam entre R$ 5 (para passes diários) e R$ 10 (para passes mensais). Cada passeio poderá ser feito em até 90 minutos, com intervalos de pelo menos 15 minutos entre cada um deles.

Já o projeto Hapvida + 1K é uma assessoria gratuita para quem deseja praticar atividade física. Em Belém, os grupos irão se reunir para correr, durante as manhãs, na orla da cidade, no Portal da Amazônia; durante a noite, na Doca; e, de manhã e à noite, no Bosque Rodrigues Alves e na Praça Batista Campos. Sucesso em Fortaleza – onde todas as vagas foram preenchidas em apenas 24 horas de lançamento do projeto na internet –, o projeto beneficia, atualmente, 1.800 corredores na capital cearense. Por conta deste êxito, o Hapvida estendeu o +1K para Belém e, em breve, a operadora de saúde irá levá-lo às demais capitais onde atua.

Logo - Hapvida“É uma marca do Hapvida trabalhar a saúde de forma construtiva e preventiva. Entendemos que precisamos levar a saúde para as pessoas como um todo”, pontua a diretora de Comunicação e Marketing. Em Belém, quando as vagas estiverem disponíveis, os interessados, beneficiários ou não da operadora, poderão se inscrever por meio do site do projeto: www.hapvida.com.br/mais1k.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar