faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Sitemap


Articles from 2007 In February


Parcerias: Jefferson Health System e Galvanon fecham acordo

A Galvanon, empresa da NCR Corporation acaba de anunciar que a Jefferson Health System, Inc. (JHS), operadora de serviços de saúde da região sudeste da Pennsylvania, assinou um acordo para licenciar a tecnologia de self-service para pacientes da Galvanon. A Main Line Health será o primeiro membro da JHS a iniciar a implementação do MediKiosk da Galvanon em suas instalações. Os locais servidos da Main Line Health incluem o Bryn Mawr Hospital, Bryn Mawr Rehab Hospital, Lankenau Hospital e o Paoli Hospital, assim como diversas instalações regionais de ambulatórios. Outras entidades da Jefferson adotarão o MediKiosk após a implementação da Main Line Health.
O MediKiosk permite que os pacientes ao chegarem para uma consulta, possam inserir as informações de identificação diretamente no quiosque para iniciar o processo de check-in.

Exames: Genomic Engenharia Molecular investe R$ 380 mil em novo equipamento para DNA

A Genomic Engenharia Molecular, especializada em exames de DNA, acaba de investir R$ 380 mil num novo seqüenciador automático Applied Biosystems 3130xl Genetic Analyzer. A máquina permite que o resultado fique pronto em 24 horas e apresenta como vantagens a utilização de apenas alguns microlitros da amostra do DNA para realização do exame. O novo aparelho permitirá ainda um aumento no processo simultâneo de exames e na qualidade dos resultados obtidos.

Saúde Pública:Governo de São Paulo pode assumir dívida do Incor

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) propôs refinanciar a dívida de R$ 120 milhões que a Fundação Zerbini, administradora do Instituto do Coração de São Paulo (Incor), tem com o banco. É o que afirma o secretário estadual da Saúde de São Paulo, Luiz Roberto Barradas Barata. Porém, para que haja a concessão de benefício, o governo do Estado terá que assumir o débito da entidade privada. A gestão de José Serra não descarta assumir o débito e a proposta já está em estudo.

Saúde Pública: Falta de equipamentos impede funcionamento de hospital público na Bahia

O Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo baiano, teve suas obras concluídas após 17 anos de construção. No entanto, a instituição não tem recursos para adquirir os equipamentos necessários para seu funcionamento. O hospital foi construído em parceria com o governo federal para atender a região do Recôncavo, Ilha de Itaparica e Vale do Jiquiriçá, que abrange 42 municípios. Foram gastos R$ 29 milhões na obra. O prefeito de Santo Antônio de Jesus, Euvaldo Rosa (PFL), viajou para Brasília para tentar captar os recursos necessários para a conclusão do projeto.

Internacional: GE Healthcare financiará débitos de US$ 22 milhões para o Life Care Centers

O setor financeiro da GE Healthcare forneceu ao Life Care Centers of América (LCCA), uma dos principais centros de saúde americano, uma hipoteca para financiamento de débitos no valor de US$ 22 milhões. O empréstimo será utilizado na aquisição de duas facilidades referentes à enfermagem.
A GE é considerada pelo LCCA como um grande parceiro a longo prazo, que os ajudam a resolver problemas financeiros. Particularmente nesse acordo, a GE pôde se mover rapidamente para encontrar uma estrutura mutualmente benéfica para o negócio, que incluísse 100% do financiamento para aquisição da equidade existente em portfólios previamente financiados.

Política: Lula tem caminho livre para indicar Temporão para Ministério da Saúde

E a novela para a indicação do novo Ministro da Saúde continua. Se antes o impasse era a pressão da bancada do PMDB na Câmara, que preferia a indicação do deputado Reinhold Stephanes (PMDB- PR) para o cargo, os deputados voltaram atrás e decidiram deixar nas mãos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva a decisão. Lula tem deixado claro sua preferência pelo médico José Gomes Temporão, indicado pelo governador Sérgio Cabral, como responsável pela pasta. Temporão é médico sanitarista e já presidiu o Instituto Nacional do Câncer.
A bancada peemedebista é contra a indicação de Temporão, mas preferiu desistir de sua indicação para não constranger o partido. Mas como na política nada é de graça, os deputados agora reivindicam outro ministério para compensar a perda da pasta de Saúde.

Pesquisas: Frost & Sullivan prevê expansão do mercado de válvulas cardíacas

Pesquisa realizada pela Frost & Sullivan indica que o mercado de válvulas cardíacas artificiais, baseadas em tecidos, deve estimular o crescimento do setor de saúde nos Estados Unidos. Esta indústria totalizou receita de US$ 519 milhões em 2005 e deve alcançar US$ 867 milhões em 2012. Hoje, as maiores barreiras para o crescimento são a ausência de tecnologias recentes que mudem o paradigma do setor, os requisitos regulatórios e de reembolso.

Educação: Projeto de Lei restringe abertura de cursos de medicina

Está em análise na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 16/07, que permite a abertura de novos cursos de medicina somente em regiões onde haja carência de médicos ou de formação médica oferecida pelo setor público. Do deputado Dr. Pinotti (PFL-SP), o projeto estabelece que a falta de profissionais deverá ser comprovada pelo critério da Organização Mundial de Saúde (OMS), que recomenda um médico para cada grupo de mil habitantes. Segundo o projeto, a abertura de novos cursos dependerá do cumprimento de uma série de exigências. Entre elas está a caracterização da necessidade social do curso, traduzida na relação médico/habitante e na rede de Saúde do município que vai abrigar o curso.
O PL 16/07 tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Negócios: Microsoft adquire Medstory

A Microsoft deu o primeiro passo para atuar especificamente no mercado de saúde, com a aquisição da Medstore, a companhia que desenvolveu uma ferramenta de busca, gratuita, via internet para informações em saúde. Os valores do negócio não foram revelados. A empresa também anunciou a criação de uma série de ferramentas para o setor, com o nome de The Connected Health Framework Architecture and Design Blueprint.
A aquisição é parte da estratégia para diversificar a linha de produtos, já que o Windows e o Office representam 90% das receitas, mas são mercados já maduros e com um percentual menor de crescimento.
A nova estratégia é diversificar, com focos em mercados com grande potencial de expansão.
A ferramenta da Medstory deve ser incorporada ao MSN Web. A expectativa de aumento da busca pelo serviço se deve ao envelhecimento dos baby boomers e ao crescimento da população idosa com acesso à internet.

Internacional: Centros de Serviço de Medicare e Medicaid reincidem política e reabre diálogo

Os Centros de Serviços de Medicare e Medicaid (CMS) voltam atrás e decidem reabrir o diálogo sobre o Manual do Programa de Integridade para testes de diagnósticos independentes. A indústria foi a responsável por fazer o Centro repensar o assunto, alegando não ter tido oportunidade para expor sua visão, especialmente aquelas relacionadas à divisão de espaços e equipamentos de IDTFs.
O site do Centro divulgou que a agência reincidiu um dos pedidos incluídos no manual da integridade do programa, emitido no final de janeiro.
Pedindo desculpas pelo inconveniente, eles divulgaram um documento, que garantiu que a regra não será substituída agora e orientou a todos a rejeitar todos os materiais relacionados.
Desde que a CMS rescindiu a política, a instituição declara que está aberta a receber sugestões e sugere que sejam feitas por e-mail via website.