faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Regras para nomear remédios devem mudar

regras-para-nomear-remedios-devem-mudar.jpg
-
Resolução pretende minimizar a confusão do consumidor ao comprar medicamentos

Dentro de duas semanas, a Anvisa deve analisar texto referente à resolução que estabelece novas regras para nomear medicamentos. Objetivo é reduzir a confusão no momento da compra de remédios.

Os erros mais cometidos pelo consumidor acontecem quando o remédio tem o nome semelhante a outro no mercado ou quando o nome comercial faz referência a algum composto que não está presente no medicamento ou sugere uma indicação diferente da apresentada pelo produto.

A análise será feita no momento do registro de medicamentos novos. De acordo com o presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, no caso dos antigos, não há razão para que eles sejam reavaliados - exceto se houver relato de grande número de acidentes provocados por erros no momento da compra do produto.

Os produtos que têm em sua composição o mesmo princípio ativo, mas com algumas variações, também estarão presentes para serem avaliados pela resolução. É o caso, por exemplo, de analgésicos que levam na fórmula apenas um princípio ativo e outros, com mesmo nome, que trazem combinação com outras substâncias.

De acordo com registro do Estado de S. Paulo, Barbano é favorável em liberar que uma empresa tenha dois medicamentos registrados no mercado, com indicações para o mesmo fim mas com nomes distintos.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar