faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Pandemia não adiou planos da Medtronic que trouxe 16 novas terapias ao Brasil em 2020

Felipe Barreiro.jpg
A multinacional apresenta novo vice-presidente e comemora a taxa de 49% de mulheres em cargos de liderança

A crise sanitária afetou a Medtronic, como todos os segmentos de saúde, mas a multinacional especializada em tecnologia, serviços e soluções médicas, não se deixou abalar. Nos últimos meses, a empresa trocou de gestão, adotou novo modelo operacional, fez 16 lançamentos no Brasil e ainda atingiu a meta para garantir maior equidade de gênero, com 49% de mulheres em posições de liderança

“A primeira onda da Covid-19 nos trouxe uma série de aprendizados, mas seguimos em frente. Temos produtos para o paciente final na área de diabetes, mas grande parte do nosso portfólio inclui insumos hospitalares e tecnologia para cirurgias oncológicas, neurológicas, cardiovasculares, ortopédicas, bariátricas, entre outras, ficamos suscetíveis nesse momento delicado em que as cirurgias eletivas foram adiadas”, conta Felipe Barreiro, que assumiu a vice-presidência da Medtronic no Brasil em novembro.

Com mais de 10 anos de companhia, Barreiro era diretor sênior de Marketing para Surgical Innovations na Medtronic na América Latina, quando trocou de função. Curiosamente, por exigência do próprio cenário atual, o executivo fez todos os processos de transição, conheceu a equipe e continua na sua gestão de forma remota, um desafio extra em períodos de pandemia.

Com 50 anos de operação no Brasil, comemorados neste ano, a Medtronic possui um portfólio com mais de 213 mil produtos globais que fazem diagnóstico, previnem e tratam doenças. Fundada em 1949, nos Estados Unidos, a companhia foi pioneira em diversas terapias, como o marcapasso cardíaco externo, por exemplo. No Brasil, a empresa emprega quase 700 funcionários em sua estrutura comercial em São Paulo, e cerca de 400 nas fábricas de Ribeirão Preto (SP) e São Sebastião do Paraíso (MG).

Segundo o vice-presidente da Medtronic, recentemente, foi implementado um novo modelo operacional com o objetivo de ganhar agilidade e simplicidade nos processos.

Quanto aos lançamentos, alguns mudam paradigmas de tratamento. Dentre eles estão o Percept (dispositivo que usa a neuroestimuação no controle dos síntomas da Doenças de Parkinson que possui sistema de monitoração contínua), o Intellis (sistema de neuroestimulação implantável indicado para o tratamento da dor crônica na coluna) e o Emprint (para cirurgias mininamente invasivas de ablação no tratamento oncológico).

Dentre outras conquistas recentes, que irão beneficiar principalmente os pacientes, está a incorporação da trombectomía mecánica pela CONITEC (Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologías), no SUS, que revoluciona o tratamento do AVC isquêmico, aumentando o tempo de janela de eficácia para tratar o paciente e traz mais benefícios do que a terapia atual medicamentosa, única opção disponível hoje na rede pública de saúde. E mais: a TAVI (Transcatheter Aortic Valve Implantation), um procedimento minimamente invasivo para tratar a estenose aórtica por meio da substituição da válvula cardíaca, que faz agora parte do rol da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar).

A Medtronic também tem motivos para comemorar o avanço na equidade de gênero com 49% das mulheres em cargos de liderança. Inclusive, a companhia desenvolveu uma série de ações nos últimos meses, justamente para auxiliar as mulheres no home office. Reuniões foram remarcadas para não coincidirem com o horário em que as crianças estavam em aula remota, férias puderam ser antecipadas e palestras foram ministradas pensando no bem-estar das colaboradoras que são mães e para conscientizar os homens sobre a importância da divisão de tarefas em casa.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar