faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Clínica digital avalia como anda a saúde mental das empresas por meio de tecnologia de ponta

tea-cup-laptop-apple-7360.jpg
Pioneira em telepsicologia, plataforma acelerada pelo Google oferece atendimento via planos de saúde corporativos, e viu demanda aumentar 400% no primeiro semestre de 2021

No Brasil, os pedidos de afastamento do trabalho por causa de transtornos mentais aumentaram 26% em 2020, em comparação com 2019, segundo dados da OMS. A pandemia acabou afetando a conciliação entre vida pessoal e profissional e, com isso, a procura por terapias também aumentou. Com funcionários trabalhando remotamente em um cenário incerto, o bem-estar psicológico tornou-se prioridade para as empresas.

A Telavita, clínica de saúde mental digital que conecta psicólogos e psiquiatras a pacientes, viu crescer em 400% seus atendimentos no primeiro semestre de 2021. Apesar de atender também o mercado B2C, a maioria de seus clientes são empresas que buscam oferecer tratamentos psicoterápicos a seus funcionários. Por ter parceria com os principais planos de saúde corporativos do país, a plataforma viu a demanda empresarial crescer substancialmente.

Um dos serviços mais procurados é o Programa de Saúde Emocional (PSE) para empresas e Planos de Saúde, que realiza a medição da saúde mental do indivíduo e sugere um tipo e duração de terapia. A principal vantagem do PSE é avaliar a evolução do tratamento, que tem início e fim definidos.

"Percebemos que as empresas precisavam de uma solução adequada à realidade em que seus funcionários estavam inseridos e alinhada com o que os planos de saúde cobrem", explica Milene Rosenthal, psicóloga, co-fundadora da Telavita e pioneira no segmento de telepsicologia há 10 anos. Ao final do tratamento, uma nova avaliação define se houve melhora ou se é necessária continuidade nas sessões.

Um dos diferenciais da plataforma e que agrada o mercado corporativo é a curadoria de profissionais. Atualmente são algumas centenas de profissionais cadastrados, entre psicólogos e psiquiatras, e há uma fila de espera para novos interessados. Só são aceitos especialistas com experiência em gestão profissional. "Parte de nossos pacientes são executivos altamente capacitados. Buscamos parceria com terapeutas sênior que entendem o contexto dos negócios e a necessidade de alta performance", conta Milene.

Outra preocupação é com a segurança - o tratamento é 100% confidencial e a operação atende às regulamentações internacionais. Nenhuma das sessões fica gravada e o empregador não tem acesso aos dados confidenciais do paciente.

Pioneirismo e aporte

Desenvolvida em 2017, a Telavita estreou no mercado no ano seguinte com o propósito de democratizar o acesso à saúde por meio da tecnologia, expandindo o alcance e a capacidade de atendimento online dos profissionais da área, reduzindo os custos e as barreiras geográficas. Idealizada pela psicóloga especialista em práticas inovadoras Milene Rosenthal e pelos empreendedores Andy Bookas e Lucas Arthur de Souza, a plataforma é pioneira em conectar pacientes com profissionais de saúde mental.

A empresa foi acelerada pela Quintessa e InovAtiva e já recebeu 10 milhões em aportes nacionais e internacionais. Em 2020, foi vencedora do Startup Battle, parte do Google for Startups Accelerator, iniciativa da big tech no Brasil. Além disso, a clínica digital também foi selecionada para receber aceleração do BrazilLAB pelo 2º Batch do Força-Tarefa Covid-19. Atualmente, a Telavita está disponível para 5 milhões de pessoas através de Planos de Saúde e Empresas.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar