faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Médicos conceituados discutem a Telemedicina

fidelizar-pacientes-como-telemedicina-morsch-pode-auxiliar-clinica

Especialistas debatem o futuro do atendimento médico e esclarecem muitas questões sobre a tecnologia em prol da saúde em evento na cidade de São Paulo

Ontem, quinta-feira, intermediado pela jornalista Christiane Pelajo, aconteceu um debate sobre telemedicina entre Dr. Roberto Botelho, cardiologista e presidente da ITMS Telemedicine Network; Dr. Ben-Hur Ferraz-Neto, cirurgião do aparelho digestivo com doutorado em cirurgia pela University of Birmingham, Dr. Jayme Fogagnolo Cobra, reumatologista com mestrado pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo; e também Dr. Romeu Cortes Domingues, médico formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), fellow em Ressonância Magnética pela Universidade de Harvard e presidente executivo do Conselho de Administração da DASA.

Na ocasião, os especialistas apresentaram a plataforma Conexa Saúde e explicaram os benefícios do teleantendimento 24 horas, a redução de custo para os planos de saúde, hospitais e para o próprio paciente em questão de deslocamento.

33% dos exames realizados não são retirados.

40% das idas ao Pronto Socorro são desnecessárias.

Neste sentido, enfatizaram o papel da consulta online para prevenção, mostraram que não anula a consulta presencial e, inclusive, em casos que são necessários, falaram sobre a importância do encaminhamento para a especialidade médica correta. A plataforma Conexa Saúde é a solução para a democratização do atendimento, contando que apenas 32 municípios de 5.570 têm todas as especialidades médicas.

A telemedicina permite que o doutor e o paciente possam trocar todas informações necessárias como sintomas, exames anteriores, uso de medicamentos e histórico de doenças. Assim, permitindo que as consultas presenciais desnecessárias sejam diminuídas e as necessárias otimizadas.