faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

techtools ventures lança no Brasil solução de identidade genética inédita no mundo

teste genético.jpg
A solução de identidade genética ficará acessível por meio do aplicativo Atende Saúde

“O futuro da saúde já chegou com a identidade genética”, declarou o presidente da techtools ventures, Jeff Plentz. A gestora, por meio da sua estrutura de investimentos em startups, comprou participação na empresa de biotecnologia Engenetiq, e lança no mercado brasileiro de saúde uma solução de identidade genética inédita no mundo. O objetivo da empresa é fornecer o método de aquisição de DNA a baixo custo, inicialmente para planos e operadoras de saúde e governos que desejem fazer planejamento de saúde populacional de longo prazo baseado em marcadores genéticos extraídos do DNA. Por meio dos hospitais filantrópicos afiliados à Confederação das Santas Casas (CMB), principal parceiro de inovação da techtools, haverá uma capilaridade inédita, que somada ao baixo custo de mapeamento genético e a segurança do armazenamento dos dados, poderá antecipar no Brasil movimento de transformação da saúde já realizados em países como a Finlândia.

A solução de identidade genética ficará acessível por meio do aplicativo Atende Saúde, plataforma para digitalização da jornada do paciente desenvolvida pela techtools health. A partir dela, laboratórios, hospitais e profissionais liberais poderão oferecer aos seus clientes a realização de leitura genética do DNA a baixo custo e rapidamente, através de exames simples de coleta de urina, sangue ou saliva/muco do nariz.

O paciente deverá autorizar o serviço, por meio de um cadastro no aplicativo Atende Saúde, onde toda a autenticação será digital, com reconhecimento facial e análise de documentos. O próximo passo será a validação do processo em um ponto de coleta, no momento da entrega dos materiais biológicos. A Engenetiq será a guardiã dos dados dos pacientes, garantindo compatibilidade com LGPD em todo acesso digital ao sistema de saúde. Ela fornecerá o método de aquisição de DNA a baixo custo, que será armazenado num Blockchain que já conta com políticas e regras de compatibilidade com a LGPD e outras legislações vigentes para permitir que todas as soluções hoje disponíveis no mundo e as que virão, possam usar um token da Engenetiq como forma de acesso ao DNA para realizarem seus testes e depois possam inserir os resultados e disponibilizá-los às pessoas através do prontuário genético da Engenetiq.

Segundo Plentz, a solução de identidade genética é “inédita no mundo”, pois junta a segurança do método e a confidencialidade das informações dos pacientes com extração de baixo custo.

Plentz destaca que a identidade genética fornece uma série de vantagens às pessoas quando conectada a soluções cada vez mais comuns no mundo todo, tais como: mapa de ancestralidade; melhoria da performance de atletas para práticas esportivas; aprimoramento de hábitos alimentares; identificação de marcadores de doenças cardíacas, câncer, doenças psiquiátricas, entre outras. “O futuro da saúde passa pela medicina 4P, modelo assistencial focado na promoção da saúde, que permite o gerenciamento de riscos do paciente, fundamentado em quatro pilares: predição, personalização, prevenção e participação. É uma mudança de paradigma que possibilita melhores resultados assistenciais, melhoria da experiência do paciente e redução de desperdícios”, disse o fundador da techtools.

De acordo com Plentz, a techtools ventures vai oferecer a solução também para o poder público, e já iniciou conversas com prefeituras e Estados. “Nosso principal objetivo é que Estados e Municípios possam usar esse serviço de identidade genética para promover o planejamento preventivo de saúde populacional com eficiência e a um baixo custo. Desse modo, contribuímos para a democratização da medicina 4P e a massificação do acesso à medicina do futuro”, afirmou. O serviço será oferecido, ainda, para operadoras de planos de saúde e para seguradoras que queiram gerenciar sinistralidade, além de empresas de diversos setores. “As operadoras de planos de saúde poderão, por exemplo, fazer estudos populacionais nas bases de clientes delas e oferecer programas personalizados de prevenção, diagnóstico e tratamento, tais como identificação precoce de câncer de mama e de próstata com alta precisão para encaminhamento clínico de confirmação diagnóstica”, completou.

TAG: Healthtech
Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar