faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Implantação de prontuário digital impacta a saúde da capital paraibana

Article- Implantação de prontuário digital impacta a saúde da capital paraibana

prontuario-eletronico-saude-joao-pessoa-pb.png
Iniciativa melhora a eficiência operacional e a qualidade dos serviços à população de João Pessoa

A prefeitura de João Pessoa já colhe resultados do Prontuário Eletrônico do Cidadão. A iniciativa consiste na implantação de um Sistema Integrado de Gestão em Saúde Pública. As informações clínicas dos usuários atendidos nos diversos pontos de atendimento da rede municipal são armazenadas em um único banco de dados e ficam disponíveis aos médicos, permitido melhor acompanhamento do histórico do paciente.  Ou seja, é possível consultar os dados clínicos registrados ao longo da vida de uma pessoa em uma única plataforma, independentemente do local de atendimento, seja na Atenção Primária, Urgência, Saúde Mental, no ambiente Hospitalar etc.  

Além das informações, a plataforma oferece apoio à gestão em várias rotinas administrativas, como na distribuição de medicamentos e insumos, nos agendamentos eletrônicos, no faturamento, no acompanhamento de indicadores, entre outras demandas operacionais. O prontuário entrou em operação em setembro de 2021 para integrar todos os serviços de saúde na rede pública da cidade em uma única base de dados, proporcionando acesso on-line em tempo real.  O objetivo em cena é justamente fornecer soluções de software avançadas para melhorar a eficiência operacional e a qualidade dos serviços necessários para a população.  

Uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela o cenário da saúde pública na Paraíba. O estado tem a sétima menor proporção de pessoas que possuem plano de saúde no Brasil. Apenas 12,2% da população – cerca de 488 mil pessoas – têm acesso ao serviço. O número também foi o segundo menor do Nordeste, atrás apenas do Maranhão. A implantação da plataforma vem para melhorar esse cenário, já que abrange todas as necessidades do setor, desde o acompanhamento de pacientes até a gestão de recursos. Também é capaz de eliminar barreiras na comunicação e otimizar tempo. 

 

Estudo de caso mostra benefícios significativos  

100% das 92 unidades de saúde pública foram informatizadas, totalizando 203 equipes. A informatização possibilitou ao município a adesão desse time de saúde ao programa do Ministério da Saúde, o Informatiza APS. Por meio dessa iniciativa, o município recebe R$ 345.100,00 mensais. 

A plataforma unificou, organizou, padronizou e automatizou os processos de trabalho da rede de saúde, fortalecendo a integração interinstitucional com o compartilhamento de dados rápido e seguro. 

O número de cadastros de usuários do SUS no sistema aumentou de 300 para mais de 800 mil, atingindo a meta para a captação ponderada do Programa Previne Brasil. Essa ação proporcionou ao município elevar o incentivo financeiro recebido por componente. O valor pela captação ponderada subiu de R$ 15.150.000,00 para R$ 40.400.000,00 anuais. 

Todos os cidadãos que passaram por algum serviço de saúde pública estão sendo acompanhados no sistema. 

Houve melhoria nos índices do Programa Previne Brasil. No primeiro quadrimestre de 2022, a nota do Indicador Sintético Final - ISF era 2,5 indo para 5,96 no segundo trimestre de 2023, o que corresponde a 238% de aumento.  

1.264 agentes comunitários de saúde foram capacitados com o uso do aplicativo Vivver Sistemas AB via tablet para registro de atendimentos durante visitas domiciliares, mesmo off-line. Dessa forma, os servidores podem efetuar os registros diretamente no app no momento da visita ao cidadão. Essa rotina traz mais eficiência ao registro realizado pelo servidor, uma vez que não há necessidade de digitação dos cadastros e informações após a jornada de trabalho em campo. 

100% das unidades de urgência e ambulatorial do município estão informatizadas, permitindo acesso rápido e amplo a dados relacionados ao histórico de atendimentos, exames e prescrições médicas. 

“A tecnologia representa uma mudança fundamental na gestão da saúde pública, sendo mais inteligente, eficiente e centrada no paciente. É a promessa de um futuro mais saudável e bem-sucedido para as comunidades atendidas. Atenção, cuidado e investimentos são fatores essenciais para a melhora na qualidade dos serviços no Brasil. Com a inovação, a transformação e atualização digital se tornaram indispensáveis para administrar um dos setores mais importantes do país”, reforça Geraldo Tadeu, diretor da Vivver Sistemas.