faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

HCPA usa aplicativo da uMov.me para triagem de pacientes com suspeita de Covid-19

Article-HCPA usa aplicativo da uMov.me para triagem de pacientes com suspeita de Covid-19

HCPA e uMov.me

O Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), referência no estado para o enfrentamento ao novo coronavírus, ganha um aliado tecnológico. A partir de abril, os médicos emergencistas têm à disposição o Aplicativo de Triagem para assistência a pacientes com suspeita de Covid-19. A solução é o resultado da atuação conjunta da uMov.me e o Serviço de Epidemiologia do HCPA. Ao total, duas mil licenças foram doadas ao hospital.

O aplicativo foi idealizado com base nos dados científicos do News Score (National Early Warning Score), acrescido de informações sobre HAS (Hipertensão Arterial Sistêmica), diabete Mellitus e idade, para estratificação dos pacientes, de acordo com necessidade ou não de internação, além de indicar o local da internação, gerando mais agilidade e efetividade na gestão de recursos do hospital.

Com o uso do aplicativo, é possível reconhecer padrões e ampliar a experiência compartilhada, pois, à medida que os médicos vão cadastrando as suas tomadas de decisões, os dados são organizados, criando uma base de conhecimento sobre a triagem efetiva para a Covid-19. O uso da ferramenta oferece mais segurança e efetividade na emergência hospitalar.

A coordenadora do programa Qualis, Helena Barreto, ressalta a finalidade do aplicativo na gestão. “O objetivo é incentivar a padronização nas tomadas de decisão para que possamos maximizar o uso de recursos, melhorando constantemente os padrões e, em caso de aumento significativo da pandemia, possibilitar que outros médicos possam seguir padrões testados e homologados. Além de apoio para definição de internação, a ferramenta pode ser usada na avaliação de intercorrências no paciente com a Covid-19, também com o propósito de auxiliar na definição do melhor local para assistência ao paciente".

De acordo com o CEO da uMov.me Alexandre Trevisan, a empresa está contribuindo com sua parte para enfrentar a crise. “Nosso expertise é criação de aplicativos para apoiar o trabalho de pessoas em campo, otimizando recursos e aumentando a produtividade, assim como oferecer a gestão dados para a tomada de decisão. A solução está pronta e pode ser usada por qualquer hospital do Brasil e contamos com o apoio da AWS para essas ações”, destaca.

TAG: Hospitais